Álvaro Nosé: Uma história de dedicação e amor ao Aramaçan

Álvaro Nosé se associou ao Aramaçan em 15 de dezembro de 1958. Assumiu pela primeira vez como presidente do Clube Atlético Aramaçan no longínquo ano de 1968, após vencer a eleição contra a Chapa Vermelhinho, liderada pelo ex-presidente, Affonso Maria Zanei.

No dia 4 de janeiro de 68, teve início a “Era Álvaro Nosé”. No total foram sete gestões a frente do maior clube social do ABC Paulista – 1968 a1969/ 1969 a 1972/ 1972 a 1975/ 1981 a 1984/ 1984 a 1987/ 1990 a 1993/ 1993 a 1996.

Foi um presidente a frente do seu tempo e trouxe para o clube um jeito profissional de administrar.   Dentre suas principais obras presidindo o Aramaçan estão; o aterramento do lago devido a poluição da água, (fato que causou muitas controvérsias a época), a construção do Ginásio de Esportes, (que hoje leva seu nome), do Parque Balneário, das quadras externas, dos quiosques, quadras de tênis, da antiga portaria, iluminação da pista de atletismo e dos campos de futebol, entre outras.

Em 1969 durante seu primeiro mandato foi realizada a primeira Gincana de Pesca, hoje Torneio Eduardo Alves Duarte. Neste mesmo ano, foi criado o Dente de Leite, a mais tradicional competição infantil do Clube.

Os fundadores do Dente de Leite, que teve início em 1969, primeira gestão do Dr. Nosé à frente do CAA.

No ano de 1970 é realizada a 1ª Festa da Cerveja. Em 7 de outubro, é inaugurado o Ginásio com um baile. O boletim informativo O Arara tem sua primeira edição distribuída aos associados. O Parque Balneário é inaugurado em 1973 com piscina de dimensão semiolímpica, piscina infantil e vestiários masculino e feminino.

Álvaro Nosé volta a presidência em 1981 e cria o Departamento Feminino. Em 1982 é realizado o primeiro Baile do Vermelho, Preto e Branco com a presença da Orquestra Tabajara. O Centro de Integração Feminina é inaugurado em 1983. Em 1984, outra inovação, é elaborado um plano diretor. No ano seguinte é aprovado a construção do Edifício Aramaçan. A sala de snooker é inaugurada em 1986.

Após quatro anos fora da Diretoria Executiva, o Sr. Nosé é leito novamente em 1990. “Voltei por amor à camisa”, disse aos jornalistas na cerimônia de posse. Em sua renovada equipe, o ex-jogador da Seleção Brasileira de Vôlei, Antônio Carlos Moreno, que com o apoio do presidente criou o PAIE, Programa Aramaçan de Incentivo ao Esporte, voltado para crianças de 4 a 12 anos.

Nosé recebendo delegação internacional.

Em 1991 é retomado o projeto de construção do Edifício Aramaçan e reativada a Gincana de Pesca. São inauguradas as piscinas térmicas e as pistas de boliche em 1993, ano em que foi reeleito para seu último mandato.

Em 1994, é inaugurado o segundo andar do Edifício Aramaçan. Ao completar 65 anos, o clube ganha mais um presente aos associados, quatro quadras de Squash e um novo ambulatório médico. Em seu último ano como presidente, foi realizada a 1ª Festa da Espuma.

O presidente Wilson Ambrósio da Silva se recorda quando o Dr. Álvaro foi eleito a primeira vez em 1968. “O Clóvis Sidney Thon era o presidente do CD, tendo eu como 1º secretário e o Edgard de Almeida como 2º secretário. Nós fizemos a eleição que conduziu o Nosé a presidência”, relembrou.

Para Ambrósio, a obra mais importante entre tantas que realizou, foi a construção do Ginásio de Esportes. “Foi a obra que alavancou o desenvolvimento do Aramaçan. As outras, algumas até de maior magnitude, foram posteriores a este marco que é o ginásio”, disse.

Álvaro com diretores do CAA.

Nós que crescemos junto ao Aramaçan, às vezes não conseguimos mensurar a grandeza do Dr. Álvaro Nosé. Ele transformou um Clube fundado a beira de um lago, em uma potência dos esportes amadores e dos eventos sociais andreenses. O busto inaugurado em 2007 na entrada no prédio administrativo, traduz um pouco deste sentimento.

“O Nosé foi uma das pessoas mais corretas que conheci. Tinha um comendo firme a frente da diretoria, sempre com honradez e muito trabalho. Seu nome está gravado em quase todas as obras do Aramaçan, este é seu legado. É uma perda muito grande”, finalizou o presidente.

Por Peter Suzano, jornalista do CAA

Posts recentes

Comentários

Arquivos

Categorias

Meta