Professor do CAA sonha com o bicampeonato mundial

O judoca Leandro Salomão, 41 anos, é professor no Clube Atlético Aramaçan há mais de dez anos e um dos grandes atletas brasileiros da modalidade. Salomão já conquistou diversas competições internacionais. Em seu vasto currículo de títulos, destacam-se as conquistas na categoria Máster do Campeonato Mundial de 2010, disputado no Canadá e a medalha de ouro Pan-Americano de 2008, na República Dominicana. Ainda sobre Mundiais, Salomão subiu mais quatro vezes no pódio: em 2007 no Brasil e em 2008 na Bélgica quando ficou em segundo lugar e em 2012 nos Estados Unidos ao ficar em terceiro lugar em duas modalidades.

Salomão, ao centro, no pódio mais alto do Mundial em 2010

Nos últimos anos Salomão deixou de competir internacionalmente por falta de patrocínio, mas em território nacional continua colecionando ótimos resultados, como o título do Campeonato Brasileiro Master 2018 e o terceiro lugar da Copa São Paulo Máster 2018, maior torneio da modalidade na América Latina. Porém o sonho de voltar a competir internacionalmente aumenta a cada campeonato.

“Estou em boa forma, conquistando bons resultados e treinando forte. Agora vou em busca de patrocinadores para disputar o Campeonato Pan-Americano e o Sul-Americano que vai acontecer em Buenos Aires, na Argentina, em agosto e também o Campeonato Mundial, que será em Cancun, no México, em outubro”, falou Leandro. “Inclusive a data do meu aniversário coincide com a data do Mundial. Ficarei triste por não estar com minha família, mas feliz por realizar o sonho de buscar o bicampeonato mundial”, finalizou.

Por Ramon de Castro, jornalista do CAA

*Foto em destaque: Ramon de Castro

Posts recentes

Comentários

Arquivos

Categorias

Meta